comitium

6 formas de evoluíres em termos de forma física

Se notas que estagnaste e já não estás a evoluir, está na altura de adotares outros métodos.

Yago Alcalde

6 formas de evoluíres em termos de forma física
6 formas de evoluíres em termos de forma física

1. Quando investimos tempo e dinheiro numa modalidade e queremos levá-la mais a sério, uma das opções a considerar é contratar os serviços de um treinador que nos ajude a atingir os nossos objetivos. É extremamente importante que ele tenha as habilitações necessárias (aliás, deves solicitar o comprovativo de curso de treinador de nível 2 ou 3 da FPC). Em todo o caso, se for alguém licenciado em Educação Física, tem certamente todos os conhecimentos relevantes que te permitirão evoluir. O objetivo principal é otimizar o tempo que tens disponível para treinar e orientar-te nos objetivos, fazendo todo o acompanhamento necessário. 

2. Se não optares por esta via, também podes comprar um livro especializado em treino para ciclismo. O principal problema é que o treino é complexo e muito individualizado, por isso é um pouco difícil dizer-te em poucas linhas o que é que deves fazer para melhorar.

3. No entanto, podemos dar-te algumas linhas orientadoras. Por exemplo, não deves treinar séries mais do que 3 dias por semana, dado que a recuperação entre elas leva cerca de 48 horas. Se não cumprires esta regra básica, o cansaço na terceira semana irá certamente aparecer (ou inclusivé antes). O resultado será a acumulação de fadiga treino após treino, por falta de descanso. 

4. Uma recomendação que funciona sempre é encaixar uma semana de recuperação cada 3 semanas de treino. Também podes, por exemplo, descansar 5 dias após 15 dias de treino.

5. Se tens excesso de peso e nas subidas a tua respiração é forçada, gastas mais energia e tens de aplicar muita mais potência, sobretudo porque a força que tens de aplicar subida acima tem necessariamente de ser maior. Perder peso ajuda sempre a melhorar, pois permite-te poupar energia. 

6. Por último, recomendamos sempre que monitorizes o teu treino de alguma forma. É importante saber se estás a progredir ou não e caso não estejas, tens de encontrar as falhas (que podem dever-se a falta de descanso, problemas de saúde, etc). Existe um truque que permite saber se, de facto, estás a melhorar e que consiste, a cada 6 - 8 semanas de treino, fazer a mesma subida ao máximo e comparar o tempo que demoraste a completar esse trajeto. Além de comparar se foste mais rápido, deves ver se as pulsações baixaram a uma determinada velocidade. Esta subida deve ter entre 20 a 40 minutos de duração e é preferível fazê-la em asfalto para evitar que o estado do terreno influencie o resultado final. 

Arquivado em:

Exercycle, a Smartbike da BH para o treino indoor

Relacionado

Exercycle, a Smartbike da BH para o treino indoor

Rolo de treino Zycle Zdrive com desconto de 25%

Relacionado

Rolo de treino Zycle Zdrive com desconto de 25%

Os melhores tipos de música para treinar

Relacionado

Os melhores tipos de música para treinar

[VÍDEO] Alberto Contador confessa que usava pesos na bicicleta ao treinar

Relacionado

[VÍDEO] Alberto Contador confessa que usava pesos na bicicleta ao treinar

Nossos destaques