Pés dormentes ou com formigueiro

Se sofres de algum destes desconfortos enquanto andas de bicicleta, pode ser devido a uma destas três razões...
Yago Alcalde / Ilustrações: David Sanjuán -
Pés dormentes ou com formigueiro
Pés dormentes ou com formigueiro.

1>Sapatos desadequados. Podes estar a usar sapatos que não são os mais indicados para os teus pés. Deves assegurar-te de que o comprimento e a largura se adaptam aos teus pés, pois uma possível origem do problema pode ser um excesso de pressão. Pode ser necessário comprovar de que o sapato não exerce nenhum tipo de pressão enquanto pedalamos. Como é lógico, ajustar em demasia o sistema de aperto dos sapatos também não ajuda. 

2>Cleats demasiado adiantados podem gerar estes problemas. Se estivermos seguros de que o formato do sapato é suficiente comprido e largo, depois devemos verificar se os cleats estão na zona correta. Contrariamente ao que muitos pensam, quando os cleats estão bem colocados a cabeça do primeiro metatarso (mais conhecido como joanete) não deve situar-se mesmo em cima do eixo do pedal. Deve estar situado entre 7 e 10 mm à frente do mesmo quando colocamos o cranque e o pé na posição horizontal.   

3>Podes sofrer de uma metatarsalgia, por isso se depois de corrigires todos estes pormenores continuares com os problemas mencionados, o ideal é recorreres a um médico especializado e que tenha experiência no ciclismo. Uma das soluções pode ser produzir uma palmilha que corrija o apoio do pé e assim reduzir a sensação de adormecimento.