Como averiguar o tamanho correto da tua bicicleta quando existem dúvidas

Se, por exemplo, estás na dúvida entre dois tamanhos, algo que acontece com regularidade, qual deves escolher? No artigo explicamos...
Yago Alcalde -
Como averiguar o tamanho correto da tua bicicleta quando existem dúvidas
Como averiguar o tamanho correto da tua bicicleta quando existem dúvidas
PODE SER DO TEU INTERESSE

Primeiro devemos calcular o tamanho da bicicleta em função do comprimento da perna (medida do solo à virilha).

Para medi-la corretamente, devemos colocar-nos com as costas encostadas a uma parede com um livro entre as pernas. Devemos empurrar o livro para cima para marcar na parede a altura do solo à nossa virilha. Depois multiplicamos esse valor por 0,21 para conhecer qual é o valor que corresponde. O pior é que geralmente as marcas não classificam as suas bicicletas por números, mas sim por letras (desde o XS ao XL). Na seguinte tabela é possível consultar a equivalência de letras e tamanhos:

Como averiguar o tamanho correto da tua bicicleta quando existem dúvidas

Como ejemplo, um ciclista que mede 1,78m e tem um comprimento de perna de 84 cm deve escolher o tamanho 17 (84 x 0,21). Portanto, e segundo a tabela, as 17 polegadas correspondem a um tamanho M. Convém fazer um estudo biomecânico logo que saibamos qual é o tamanho ideal para nós, pois esse estudo permitirá ajustar a bicicleta às nossas medidas. Este estudo consistirá em fazer os seguintes ajustes:

  • Altura do selim para adequar ao comprimento das nossas pernas.
  • Ângulo do selim: apesar daquilo que é dito tradicionalmente, muitos dos selins que agora estão no mercado não devem colocar-se totalmente horizontais, mas sim com uma ligeira inclinação.
  • Recuo do selim: este ajuste consiste em adiantar ou recuar o selim procurando tanto a eficiência da pedalada como uma correta repartição de pesos.
  • Altura do guiador: em função do perfil do ciclista, bem como do comprimento dos braços será conveniente colocar mais ou menos espaçadores debaixo do avanço. Do mesmo modo, colocar o avanço com grau positivo (para cima) ou negativo (para baixo) também pode gerar importantes diferenças na altura do guiador.
  • Comprimento do avanço. Em alguns casos, com o avanço que a bicicleta traz de série, não é possível conseguir uma boa distânica entre o selim e o guiador, quer seja por excesso, quer seja por defeito do comprimento do mesmo.