Segue este passo importante ao mudar as pastilhas de travão

Tentaste mudar as pastilhas de travão na tua bicicleta, mas com as novas não consegues colocar a roda porque o disco não passa? Não te preocupes, é normal. E tem solução.
Ivan Mateos -
Segue este passo importante ao mudar as pastilhas de travão
Segue este passo importante ao mudar as pastilhas de travão

Os travões de disco hidráulicos estão desenhados para manter sempre o mesmo tato (curso da manete), auto-compensando o desgaste das pastilhas. À medida que se vão desgastando, é introduzido mais líquido no sistema a partir do copo de expansão na manete, e os pistons saem um pouco, justamente o necessário para realizar essa compensação.

Quando as pastilhas estão muito desgastadas e colocas umas novas, obviamente são mais largas, e ao colocá-las no local onde previamente estavam umas pastilhas desgastadas, o espaço entre cada pastilha fica curto, por isso é tão difícil voltar a colocar a roda novamente pois o disco não passa entre essas pastilhas novas.

Segue este passo importante ao mudar as pastilhas de travão

É preciso rever a posição dos pistons de travão quando mudamos as pastilhas.

Se isto te acontecer - e quase de certeza que sim - deves ter muito cuidado. Não tentes colocar a roda à "bruta", como se costuma dizer, pois podes estragar as pastilhas e danificar os pistons. A solução é recuar ligeiramente os pistons com um espaçador e é importante que o faças de igual modo (o teu travão pode ter 2 ou 4), fazendo com que fique espaço suficiente entre as novas pastilhas, que são mais grossas (obviamente) do que as desgastadas. Caso não tenhas um espaçador, podes usar por exemplo um desmonta de plástico.