comitium

Tiveste uma hérnia e não sabes se podes continuar a praticar ciclismo?

Todos os que já tiveram hérnias discais sabem as dores que provocam e em muitos casos a única solução foi a cirurgia. Neste artigo mostramos se continuar a praticar ciclismo é benéfico ou contraproducente.

Yago Alcalde

Tiveste uma hérnia e não sabes se podes continuar a praticar ciclismo?
Tiveste uma hérnia e não sabes se podes continuar a praticar ciclismo?

Existem muitos ciclistas que após uma operação para debelar a hérnia discal conseguiram retomar a prática de ciclismo sem qualquer problema ou limitação. Por isso, se entretanto já foste operado, o primeiro passo a dar é ser otimista. Convém sempre perguntarmos ao nosso cirugião após as consultas de acompanhamento pós cirurgia a opinião dele (tudo dependerá de como correu a operação), mas também devemos perguntar ao nosso fisioterapeuta, encarregue de ajudar na reabilitação. 

É normal perdermos um pouco de mobilidade articular depois da operação, mas isso não afetará a nossa posição em cima da bicicleta, nem impedirá que consigamos pedalar normalmente, sobretudo numa BTT, pois a posição de condução é mais erguida do que numa bicicleta de estrada. 

Contudo, não precisamos sequer de alterar a altura da direção, pois por vezes é precisamente isso que provoca a temida dor lombar. O ideal é adotar um ângulo neutro (em termos de posição das costas), a rondar os 55 graus. Este ângulo é formado pelos ombros, costas e anca. 

Quanto à bicicleta que devemos usar, o ideal é uma suspensão total, para evitar que a zona lombar receba a maior parte dos impactos, contudo isto depende do terreno por onde andarmos. Obviamente, se só pedalamos em ciclovias ou corta-fogos, uma rígida poderá ser suficiente. 

Devemos começar por fazer voltas curtas em estrada ou em terrenos com piso compacto sem desníveis acentuados ou zonas difíceis. A partir daí, podemos evoluir - pouco a pouco - aumentando a quilometragem quando nos sentirmos mais confiantes. 

Arquivado em:

6 possíveis causas e soluções para a dor nos dedos

Relacionado

6 possíveis causas e soluções para a dor nos dedos

Que dor indica que tens o selim mal ajustado?

Relacionado

Que dor indica que tens o selim mal ajustado?

Dor nos gémeos: três causas

Relacionado

Dor nos gémeos: três causas

Tens dores no tendão de Aquiles? 3 causas que têm a ver com a bicicleta

Relacionado

Tens dores no tendão de Aquiles? 3 causas que têm a ver com a bicicleta

Dores e principais causas

Relacionado

Dores e principais causas

Nossos destaques