comitium

TESTE pneus Bontrager AW3 Hard-Case: anti-furos e muito resistentes

Estes Bontrager AW3 Hard-Case surpreenderam-nos pelo lado positivo, pois além de terem uma duração muito superior à média, são muito resistentes.

Revista Ciclismo a fundo

TESTE pneus Bontrager AW3 Hard Case
TESTE pneus Bontrager AW3 Hard Case

Se costumas pedalar assiduamente durante todo o ano, já deves ter reparado que os furos surgem sobretudo nos meses mais chuvosos. Como a chuva torna as estradas mais sujas, o risco de furar cresce exponencialmente. O pior de tudo é que, como é habitual, esses furos costumam aparecer nos momentos menos oportunos: quando estamos muito longe de casa, quando faz muito frio, ou quando nos esquecemos de repôr uma câmara de ar nova na bolsa do kit anti furos. 

Uma boa solução para evitar estas incómodas situações é equipar as nossas bicicletas com pneus mais robustos, uma escolha ideal para os meses de Outono e Inverno, e que, sobretudo para aqueles que procuram durabilidade e preferem abdicar do peso em troca de confiança em todo o tipo de estradas, se pode prolongar durante todo o ano. 

pneus bontrager
 

Os novos pneus Bontrager AW3, totalmente redesengados para esta temporada, estão disponíveis com dois tipos de proteção: Hard Case Lite, com um preço de 41,99€, com uma camada de aramida e nylon debaixo da zona central para maior duração, sendo a parte superior em borracha TR - Endure, e Hard Case, com um PVP de 46,99€, que para além das propriedades da versão Hard Case Lite, tem mais uma camada adicional entre a interna e a banda de rolamento, que cobre todo o pneu, para reforçar a proteção.

pneus bontrager teste
 

Ambos possuem canais de evacuação da água e incorporam uma banda nas laterais que protege os flancos. Estão disponíveis nas medidas 25, 28, 32 e 38 mm e, além disso, existe uma versão Hard Case Lite com bandas laterais refletoras, ideal para quem anda na cidade em condições de pouca iluminação. 

BONTRAGER AW3 HARD-CASE

Estamos a testar estes novos pneus desde o seu lançamento e já somamos mais de 3.500 km com eles. 

teste pneus
 

O primeiro detalhe que salta à vista é que estes pneus na medida 700 x 28 mm pesam menos do que aquilo que a Bontrager refere no seu site. Na nossa balança pesaram 362 e 356 gramas, enquanto o site anuncia 370 gramas. O objetivo deste pneu não é obviamente um peso baixo, mas é bom saber que, ao contrário do que é habitual, o peso é inferior ao que se esperava. 

A montagem, no nosso caso numas rodas Campagnolo Zonda Disc, foi um pouco "complicada", pois estes pneus são mais rígidos do que os modelos mais leves - como os R4 da Bontrager -, e requerem um pouco mais de paciência. Apesar disso, não precisámos de usar desmontas, o que é sempre de evitar, sobretudo porque podem danificar a câmara de ar (convém mencionar que estes pneus não estão disponíveis para tubeless). 

teste pneus Bontrager
 

Aproveitámos os dias mais chuvosos para os testar nas nossas estradas habituais, que incluem sempre uma passagem por carris de elétrico e estradas degradadas e sujas. A verdade é que estes pneus transmitem uma sensação de robustez que os modelos topo de gama superleves não oferecem. Durante todo o teste não sofremos um único furo, mesmo optando pelas estradas mais esburacadas. 

Sinceramente estávamos à espera de um pneu um pouco desconfortável devido à dureza da sua banda de rolamento, mas não foi isso que encontrámos. Obviamente não é um pneu tão suave e macio como os pneus topo de gama que usamos no Verão, mas a filtragem das vibrações está acima de outros modelos de características similares que testámos anteriormente e durante todo o teste não chegámos a ter problemas de aderência - embora não tenhamos arriscado a nossa pele em estradas com o piso molhado, como é lógico -. 

teste pneus Bontrager 2
 

O melhor destes pneus é que os podemos montar e praticamente esquecermo-nos que os levamos. Isto não acontece em pneus mais macios e superleves, pois esses têm de ser inspecionados no final de cada volta, à procura de vidros ou picos que possam provocar um furo. O ligeiro aumento em termos de resistência ao rolamento nem sequer é percetível, tal como o peso (pesam mais 150 g do que uns topo de gama), mas as vantagens quanto a resistência e durabilidade superam largamente as desvantagens. Durante o nosso teste o desgaste foi praticamente nulo, apesar de rolarmos tanto com piso seco, como com piso molhado e mesmo em algumas secçóes de terra, por isso o nosso prognóstico é que estes Bontrager conseguem ter uma duração superior a 6.000 ou 7.000 km. Com o modelo anterior há quem alegue ter percorrido mais de 10.000 km. 

Como é habitual na Bontrager, estes pneus estão cobertos pela garantia incondicional da Trek, que permite ao utilizador a devolução do produto se não ficar satisfeito nos primeiros 30 dias após a compra. 

Arquivado em:

TESTE casaco Bontrager Velocis Softshell

Relacionado

TESTE casaco Bontrager Velocis Softshell

TESTE Specialized S-Works Tarmac SL7 Sram Red Etap AXS

Relacionado

TESTE Specialized S-Works Tarmac SL7 Sram Red Etap AXS

TESTE Trek Émonda SLR 9 eTap

Relacionado

TESTE Trek Émonda SLR 9 eTap

Teste Scott Addict eRide 10 (com vídeo)

Relacionado

Teste Scott Addict eRide 10 (com vídeo)

Nossos destaques