comitium

Matxín: "Pogacar é um diamante em bruto com instinto vencedor"

O manager da UAE Team Emirates falou do esloveno, o novo talento do ciclismo mundial, vencedor (apenas com 20 anos) da Volta ao Algarve.

Carlos Pinto e EFE. Foto: Bettini Photo

Matxín: "Pogacar é um diamante em bruto com instinto vencedor"
Matxín: "Pogacar é um diamante em bruto com instinto vencedor"

Josean Fernández Matxín é o atual manager da UAE Team Emirates. Conheço-o há muitos anos, quando formou a equipa Geox-TMC, tendo na altura contratado o David Blanco (crónico vencedor da Volta a Portugal). Lembro-me perfeitamente de termos falado do ciclismo português, que ele conhece e na altura abordámos o ciclismo galego e os atletas que na altura se destacavam - com Blanco a destacar-se -.

Mas talvez nessa altura o espanhol que mais surpreendeu tudo e todos foi Juan Cobo nesse ano de 2011, pois acabou por ganhar a Volta a Espanha, quando nem sequer era favorito pois era gregário de Denis Menchov e Carlos Sastre. 

Nessa altura, tal como na maioria das provas internacionais onde costumo ir, eu era o único jornalista português presente e queria trocar dois dedos de conversa com alguém que falasse a língua de Camões, mas tal não era possível portanto irremediavelmente conversava com os técnicos mais simpáticos (Matxin é um deles). 

Nessa altura já falávamos de Chris Froome que começava a despontar, apesar de ser gregário de Bradley Wiggins, sendo esse ano - 2011 - o de afirmação. 

Volvidos oito anos, Josean tem novo motivo para estar feliz. Apesar de não ter vindo à Volta ao Algarve - Matxin estava em Abu Dhabi nesta data - celebrou a vitória do novo talento do ciclismo mundial, o qual já estava a ser seguido pelo téncico espanhol desde a categoria de juvenil. 

Tadej Pogacar não surpreendeu Matxin, mas sim o mundo do ciclismo, pois no Algarve ganhou a geral com uma vitória de etapa e à frente de uma legião de corredores de alto nível, entre eles o espanhol Enric Mas, segundo na Vuelta em 2018. "Estamos perante um talento puro, um ciclista com classe, com instinto vencedor. Não se destaca especialmente em nada, mas tudo o que faz, faz bem. É um bom trepador e um bom contrarrelogista. É um ciclista muito completo e com grande projeção, sem dúvida alguma."

Após referir os triunfos de Pogacar no Tour de Povenir 2018, Giro del Friuli e o quarto posto no Tour da Eslovénia pouco antes da Volta a França perante rivais como o seu compatriota Roglic e o colombiano Urán, Matxin sublinhou que Tadej Pogacar é "um diamante em bruto". "Essa seria uma boa definição porque ainda tem de ser polido, está um pouco pesado, ainda não está no ponto. Tem de amadurecer e nós temos de providenciar a sua formação e progressão". 

Matxín é um caça talentos ao serviço da UAE Emirates desde 2017, e conheceu Pogacar quando ainda era juvenil, quando fazia "coisas especiais". "Em juvenil já se destacava, e no Tour de Porvenir ganhou isolado contra rivais como Iván Sosa. Na Corrida da Paz ganhou a solo sem que o conseguissem alcançar ciclistas de seis nações... são muitos detalhes significativos da sua qualidade". 

Matxín não tem pressa para polir o seu diamante e ainda não pensa em grandes exigências. "Ainda não está planeado ele estrear-se numa Grande Volta, primeiro tem de aprender e de momento não deve ultrapassar os 60 dias de competição. Apenas deve competir onde tem a possibilidade de ganhar.", disse Matxin à Agência EFE, lembrando o seu 13º posto no Tour Down Under, "apesar de ter trabalhado para Diego Ulissi". 

Depois do colombiano Egan Bernal (22 anos), com vários triunfos no seu primeiro ano como profissional, e do fenómeno belga Remco Evenepoel, de 19 anos, campeão mundial juvenil de estrada e contrarrelógio, agora confirma-se Tadej Pogacar, de 20 anos, residente nos subúrbios de Liubliana, capital eslovena, como mais um talento a ter em conta. 

Pogacar ganhou a geral no Algarve, com a vitória de uma etapa na segunda tirada com final na Fóia, à frente de corredores consagrados como o holandês Wout Poels, os espanhóis Enric Mas e David de la Cruz e do italiano Fabio Aru, confirmando as qualidades que demonstrou nas categorias inferiores. 

Arquivado em:

tadej pogacar

Relacionado

Tadej Pogacar ganhou o seu primeiro "Monumento" na Liège-Bastogne-Liège

Pogacar e Van der Breggen nomeados para os Prémios Laureus

Relacionado

Pogacar e Van der Breggen nomeados para os Prémios Laureus

Quem é, afinal, Tadej Pogacar?

Relacionado

Quem é, afinal, Tadej Pogacar?

Tadej Pogacar acabou com o sonho de Roglic, a um dia do fim do Tour

Relacionado

Tadej Pogacar acabou com o sonho de Roglic, a um dia do fim do Tour

Nossos destaques