comitium

Sabes quais são as mais-valias dos discos flutuantes?

Se calhar até tens uma bicicleta de gama alta e nem te apercebes que tens uns discos flutuantes instalados.

Ivan Mateos

Sabes quais são as mais-valias dos discos flutuantes?
Sabes quais são as mais-valias dos discos flutuantes?

Há alguns dias, um dos nossos leitores perguntou-nos, intrigado, porque motivo os discos Hayes que tinha acabado de comprar e instalar na sua bicicleta topo de gama, tinham folga. Explicámos-lhe que não havia motivo para estar preocupado, muito pelo contrário. 

Este tipo de discos são chamados "flutuantes" porque a pista de travagem é flutuante, ou seja, não está fixa na totalidade à aranha ou suporte. Este design permite um certo movimento lateral e axial que beneficia a adaptação total do disco às pastilhas de travão, quando é feita a travagem. 

Convém ter em conta que num disco fixo, ou tradicional, os pistões têm de estar ajustados ao milímetro para que a "mordida" das pastilhas no disco seja uniforme e eficaz, mas na realidade, isso não acontece. Há sempre algum pistão que empurra mais e desloca lateralmente o disco até este entrar em contato com a outra pastilha. É por isso que por vezes notamos que uma das pastilhas roça no disco.

Nos discos flutuantes isto não é um problema, pois o disco cede e coloca-se num lugar idóneo, proporcionando uma travagem mais segura, um desgaste mais homogéneo das pastilhas e um aquecimento menor. Se notares bem os carros e os motociclos utilizam este tipo de tecnologia. 

Arquivado em:

As pastilhas dos teus travões roçam nos discos? Há solução

Relacionado

As pastilhas dos teus travões roçam nos discos? Há solução

Pastilhas de travão orgânicas ou metálicas: como escolher as melhores para os nossos travões

Relacionado

Pastilhas de travão orgânicas ou metálicas: como escolher as melhores para os nossos travões

4 razões que geralmente implicam uma travagem deficiente

Relacionado

4 razões que geralmente implicam uma travagem deficiente

Os melhores videos