comitium

Team DSM e Deceuninck-Quick Step chegam a um acordo para a transferência de Ilan Van Wilder

O jovem ciclista belga - que tinha contrato com a equipa alemã, mas desejava sair - assinou com a Deceuninck para as próximas temporadas.

Team DSM e Deceuninck Quick Step chegam a um acordo para a transferência de Ilan Van Wilder
Team DSM e Deceuninck Quick Step chegam a um acordo para a transferência de Ilan Van Wilder

Embora o seu contrato com a equipa DSM ainda estivesse válido por mais uma temporada, o belga Ilan Wilder vai representar em 2022 e 2023 a formação Deceuninck-Quick Step. Isto será possível graças ao acordo a que as duas equipas chegaram para que o ciclista fosse libertado com efeito imediato do seu atual contrato e possa regressar às sua raízes belgas. 

A notícia foi confirmada pela própria Deceuninck-Quick Step e, embora não sejam fornecidos detalhes do contrato, esta transferência envolve o pagamento de uma quantia monetária como compensação à DSM. Desta forma, acaba a disputa contratual que existia entre Ilan Wilder e a equipa alemã. Lembramos que o belga já tinha manifestado a sua intenção de sair da equipa, especialmente depois de ter ficado fora dos oito selecionados para a Volta a Espanha, chegando mesmo a ameaçar rescindir o contrato de forma unilateral. Tudo indicava que seria resolvido judicialmente, mas finalmente foi anunciada esta solução. 

ilan van wilder
Ilan van Wilder

Van Wilder tem 21 anos e é claramente apontado como uma das grandes promessas do ciclismo belga. É um ciclista completo, um grande contrarrelogista e tem o perfil ideal para as Grandes Voltas. Em 2020 assinou o seu primeiro contrato profissional com a DSM (válido por três anos), depois de se ter destacado como amador (em 2019 acabou em 3º o Tour de Porvenir, atrás de Tobias Foss e Giovani Aleotti). 

Esta temporada (2021), foi 10º na Semana Coppi e Bartali, 29º na Itzulia, 16º na Volta à Romandia (acabando em 4º no contrarrelógio final), e também se destacou no contrarrelógio do Criterium du Dauphiné (foi ), tendo ficado em no Campeonato belga de contrarrelógio, tendo sido batido por três dos melhores especialistas do mundo: Lampaert, Evenepoel e Campenaerts. 

Ilan Van Wilmer une-se assim ao lote de ciclistas que abandonaram a equipa alemã (Sunweb/Team DSM) antes de os seus contratos acabarem, e que inclui nos últimos tempos ciclistas de relevo como Tom Dumoulin, Michael Matthews e Marc Hirschi. 

Arquivado em:

ÚLTIMA HORA: Marc Hirschi quebra o contrato com a DSM

Relacionado

ÚLTIMA HORA: Marc Hirschi quebra o contrato com a DSM

Sunweb muda de patrocinador principal e passará a chamar-se Team DSM

Relacionado

Sunweb muda de patrocinador principal e passará a chamar-se Team DSM

Dumoulin foi atropelado enquanto treinava

Relacionado

Dumoulin foi atropelado enquanto treinava

Roglic, Pogacar e Van Aert, os grandes vencedores da temporada

Relacionado

Roglic, Pogacar e Van Aert, os grandes vencedores da temporada

João Almeida ganhou a Volta à Polónia

Relacionado

João Almeida ganhou a Volta à Polónia

Os melhores videos