Rodas 27,5 Plus: qual a pressão certa?

As rodas 27,5 Plus requerem alguma atenção para definir a pressão adequada. Não conseguiremos tirar partido de todas as suas vantagens se as enchermos como é hábito
Revista BIKE -
Rodas 27,5 Plus: qual a pressão certa?
Uma questão de pressão

De facto, numa roda 27,5 Plus o balão do pneu é consideravelmente maior o que, em conjunto com aros mais largos (semelhantes aos que vemos nas e-MTB), resultam num propósito muito claro: conseguir melhores prestações em termos de absorção de impactos e aderência, o que se traduz em melhorias ao nível do controlo da bike.

Determinar a pressão correta dos pneus 27,5+ é essencial para obter essas melhorias. Mas nem sempre é fácil encontrar o compromisso ideal em termos de aderência, conforto e resistência ao rolar.

Para um rider com um peso de 70 kg, uma pressão de 0,8 bar é ideal. Já pudemos comprová-lo em diversos comparativos na BIKE. É importante ressalvar que este valor varia de acordo com a estrutura do pneu (rigidez da carcassa), largura do aro e inclusive da repartição de peso (frente-atrás) da bicicleta.

"Como conseguir então a pressão ideal para mim?" Bom, ao chegares a este ponto os pequenos ajustes que irás fazer baseiam-se na tua própria experiência e em tentativas. Começas então com o valor de 0,8 bar (se o teu peso não fugir muito aos 70kg), e em seguida aumentas ou diminuis a pressão em frações de 0,1 bar.

Sabes que chegaste ao compromisso ideal quando: tens bastante aderência e tração, mas consegues passar por raizes e pedras sem que o aro embata nessas irregularidades e não tens deformação excessiva do pneu ao curvares, o que faz com que a bike resvale ao curvar (abrindo a trajetória em curva em vez de a manter).

Convém relembrar que esta dimensão de pneu/roda beneficia o conforto, a aderência e o controlo em terrenos muito irregulares. O seu lado menos positivo é a maior resistência ao rolar. Vais certamente sentir algum atrito por isso cabe-te a ti decidir se queres aumentar a pressão de modo a rolares melhor mesmo que sacrifiques algum conforto e aderência, que aliás nesta medida tens de sobra! Numa e-bike seguramente nem vais notar muito (a não ser quando a bateria está descarregada).