Manutenção de pedais Shimano

Os pedais automáticos da Shimano são os mais populares do mercado. São a escolha ideal pela sua fiabilidade e pela manutenção simples. Além do mais, o seu sistema de rolamentos permite eliminar as folgas, caso apareçam.
Ivan Mateos e Carlos Pinto. Fotos: Alejandro Cubino -
Manutenção de pedais Shimano
Manutenção de pedais Shimano

FERRAMENTAS

Manutenção de pedais Shimano

1. Chave Phillips. Pode ser necessário limpar alguma sujidade escondida no meio das molas e do corpo do pedal. 2. Escova. Para retirar a sujidade externa. 3. Massa lubrificante. Deve ser a versão especial para rolamentos. 4. Chaves de bocas. Para ajustar o eixo dos pedais. 5. Chave de 15 mm. Para segurar o eixo. 6. Extrator. Esta chave é especial e destina-se aos pedais Shimano. No catálogo do fabricante japonês é designada por TL-PD40. 7. Chave inglesa. Para usar com o extrator. 8. Lubrificante. Este é especial para pedais.

PASSO A PASSO…

Os pedais Shimano têm uma configuração de eixo e rolamentos peculiar. É um sistema do tipo "cartucho" com dois rolamentos de esferas ajustáveis, como os copos do eixo do cubo de uma roda. O cartucho encaixa à pressão dentro do corpo do pedal, permitindo que o eixo gire livremente dentro dele. Todo o conjunto é fixado no seu devido lugar com um aperto roscado em plástico. Para desmontar o eixo precisamos de uma ferramenta especial para este aperto, a TL-PD40, que é vendida em Portugal pela Sociedade Comercial do Vouga. Manutenção de pedais Shimano

1. Antes de mais, realiza uma limpeza externa a fundo. Não convém que ao colocar o eixo lubrificado este se suje com detritos, o que pode danificar os rolamentos.
Manutenção de pedais Shimano

2. Depois de limpar cada pedal, chegou a hora de libertar o pedal do eixo e isto faz-se à mão. Utiliza o extrator e a chave inglesa para fazer mais força. Afrouxa no sentido indicado no extrator (ou seja, o "Loose") e tem em conta o sentido (R ou L, que indica se é o pedal esquerdo ou direito).
Manutenção de pedais Shimano

3. A massa escurecida e fluida indica que a humidade e a sujidade entraram. Limpa tudo e não deixes nenhum vestígio de sujidade.
Manutenção de pedais Shimano

4. Desmonta todo o eixo, usando uma chave de 15 mm. A primeira fileira de esferas deverá sair de imediato, portanto tem cuidado para não perderes nenhuma (são 12).
Manutenção de pedais Shimano

5. Aqui estão todas as peças que compõem o eixo e os rolamentos. É um sistema simples, mas o seu funcionamento continua a ser, nos dias de hoje, exemplar. Aliás, este sistema permanece o mesmo há mais de duas décadas (os primeiros Shimano PD-M737 saíram para o mercado no final de 1991).
Manutenção de pedais Shimano

6. Lubrifica o eixo e coloca a primeira fileira de esferas. Lembra-te de que são 12.
Manutenção de pedais Shimano

7. Agora coloca o casquilho metálico. No interior deve estar colocado o centrador de plástico (podes vê-lo na foto 5). Manutenção de pedais Shimano

8. Lubrifica a ponta superior e coloca as esferas. O resultado deve ser mais ou menos assim: as esferas alinhadas, sem espaço entre elas. Manutenção de pedais Shimano

9. Aperta as extremidades suavemente e faz o casquilho rodar para comprovar que está sem folgas e a funcionar bem. O último apertão deve ser mais forte, para que o sistema fique unido. Manutenção de pedais Shimano

10. Confirma novamente se o eixo está a rodar livremente e se não existem folgas. Depois instala o eixo no corpo do pedal. Manutenção de pedais Shimano

11. Lubrifica externamente todos os elementos: molas, pontos de fixação... Utiliza lubrificante em spray ou um produto específico para pedais. Manutenção de pedais Shimano

12. Confirma se os parafusos estão bem apertados. E voilà, está feito!