Ciclismo está de volta ao Eurosport em dose tripla!

Durante a semana os fãs de ciclismo vão poder acompanhar as Voltas à Arábia Saudita (com a participação de Rui Costa e Ivo Oliveira), Comunidade Valenciana e Langkawi.
Carlos Pinto
Ciclismo está de volta ao Eurosport em dose tripla!
Ciclismo está de volta ao Eurosport em dose tripla!

O mês de fevereiro será preenchido com muitas horas de ciclismo, algo que fará as delícias dos fãs da modalidade. Em 2020, o Eurosport vai emitir mais de 200 dias de ciclismo e provas entre as quais se incluem a Volta a Itália (em exclusivo), a Volta a França e a Volta a Espanha, os Cinco Monumentos e os Campeonatos do Mundo de Estrada, bem como uma série de eventos das mais variadas partes do globo.

Esta semana, o ciclismo regressa em força ao canal e logo em dose tripla. Terça-feira, dia 4, começa a Volta à Arábia Saudita. Depois de um longo interregno, a corrida está de volta à estrada juntando 130 ciclistas de 18 equipas que terão de cumprir 755 quilómetros, divididos em cinco etapas. O Comité Olímpico Saudita, em Riade, será o ponto de partida da corrida na qual os espetadores vão poder ver paisagens de grande beleza e marcos históricos do país como o Forte Al-Masmak, o Castelo Sadus, o Parque Wadi Namar ou a zona de Al-Bujairi.

Mark Cavendish, Nacel Bouhanni e Niki Terpstra são algumas das estrelas internacionais com presença confirmada na Volta à Arábia Saudita. Conta ainda com a participação dos portugueses Rui Costa e Ivo Oliveira da UAE – Team Emirates e José Neves (pré-inscrito) da Burgos – BH.

Do médio oriente para a Europa, esta quarta-feira, dia 5, arranca a 71.ª edição da Volta à Comunidade Valenciana uma das mais tradicionais provas do calendário em Espanha. O Eurosport emite esta competição de ciclismo de estrada que se discute num total de quase 700 quilómetros divididos em cinco etapas.

Na lista de vencedores da Volta à Comunidade Valenciana encontramos ciclistas de prestígio como Eddy Merckx, Bernard Hinault, Stephen Roche, Laurent Jalabert, Alexandre Vinokurov, Alejandro Valverde ou Wouter Poels. No ano passado o triunfo coube ao espanhol Ion Izagirre (Astana Pro Team) que bateu ao sprint os compatriotas Alejandro Valverde e Pello Bilbao. Izaguirre regressa uma vez mais para defender o título. Greg van Avermaet, Alejandro Valverde ou Tom Dumoulin são outras das estrelas esperadas na corrida valenciana. A lista de pré-inscritos não conta com nenhum português.

Da Europa para o Sudeste Asiático, a partir de quinta-feira, dia 6, parte para a estrada o pelotão que compete na Volta a Langkawi, uma corrida de ciclismo de estrada de oito etapas discutida na Malásia. Deve o seu nome ao arquipélago de Langkawi, local de onde partiu o pelotão na primeira edição da prova em 1996. É uma das competições mais importantes do Circuito e do continente Asiático e em 2020 faz a estreia no calendário da UCI Pro Series. O líder da competição veste a camisola amarela de líder, mas existe ainda um vencedor asiático que veste a camisola branca. Em 2019, o australiano Benjamin Dyball (Team Sapura Cycling) inscreveu o seu nome na lista de vencedores da Volta a Langkawi. Apesar de contar com equipas e ciclistas menos conhecidos, a prova representa uma oportunidade de ver paisagens naturais de grande beleza e, quem sabe, futuras estrelas da modalidade.

Como se pode ver, há muito ciclismo para ver esta semana no Eurosport, o difícil será escolher.

Por falar em ciclismo, na próxima sexta feira voltam as "Tertúlias de Ciclismo", uma iniciativa da revista Ciclismo a fundo, da Loja Saltar Trilhos e das revistas BIKE e EBIKE. Estas tertúlias (que no fundo são conversas informais entre apaixonados de ciclismo) foram um sucesso em 2019 e regressam já no dia 7 de fevereiro de 2020 às 21h30 com a presença de um ciclista da Astana (o seu nome será revelado em breve) e com a comissária internacional de ciclismo Isabel Fernandes. Como é tradição, esta tertúlia será transmitida em directo na página de Facebook da Saltar Trilhos, podendo ser feitas perguntas e comentários no feed.