Recupera o tato dos teus travões de disco em 8 passos

Se os teus travões adquiriram um tato estranho e não recuam como antes, ficando mais lentos, existe algo que podes experimentar antes de recorreres ao sangramento do circuito hidráulico.
Ivan Mateos -
Recupera o tato dos teus travões de disco em 8 passos
Recupera o tato dos teus travões de disco em 8 passos

Se as manetes dos teus travões (ou as pastilhas) estão com um retorno lento, ou sentes que a manete está com um curso excessivo, pode ser que os pistons estejam sujos na zona da pinça. Antes de purgar o sistema, tenta suavizar o acionamento do piston seguindo os passos que te sugerimos.

1. Desmonta a roda do travão afetado.

2. Aperta a manete de travão várias vezes até que as pastilhas de travão quase entrem em contato entre si.

3. Introduz o separador das pastilhas (proporcionado pelo fabricante) para separá-las.

4. Retira o separador das pastilhas.

5. Repete os passos 1 a 4.

6. Volta a montar a roda.

7. Aperta a manete de travão várias vezes para colocar as pastilhas de travão à distância adequada do disco (isso irá acontecer automaticamente).

8. Se o disco e as pastilhas roçarem, é necessário ajustar a pinça. Para tal, afrouxa os parafusos de fixação ao quadro (caso o problema seja no travão traseiro) ou na suspensão/forqueta (caso seja no traváo dianteiro). Depois aperta a manete de travão e ao mesmo tempo aperta os parafusos da pinça. Se não for muito prático com uma mão segurar na manete e com a outra apertar os parafusos da pinça, coloca um elástico na manete.

Por último, faz a roda girar e comprova o funcionamento do travão. O problema deve ficar resolvido, mas caso permaneça, provavelmente será necessário limpar externamente os pistons e purgar o sistema hidráulico.