comitium

O capacete com walkie talkie, música, compatibilidade com telemóvel, luz de travão e aviso SOS

O Livall MT1 é muito mais do que apenas um capacete, é um dispositivo de comunicação, de entretenimento, de segurança e de proteção. Já o testámos e mostramos as nossas conclusões já a seguir.

Juanma Montero

O capacete com walkie talkie, música, compatibilidade com telemóvel, luz de travão e aviso SOS
O capacete com walkie talkie, música, compatibilidade com telemóvel, luz de travão e aviso SOS

Francamente ficámos surpreendidos ao verificar que num capacete de ciclismo, com exatamente a mesma aparência que qualquer outro capacete convencional e o mesmo peso, poderia haver tanta tecnologia. Os capacetes Livall têm um acelerómetro incorporado, um recetor Bluetooth, um sistema de alta voz stereo, um manípulo de acionamento e uma bateria. Além disso, inclui um comando remoto sem fios compacto que pode ser instalado no guiador, a partir do qual podemos controlar todas as suas funções. 

 

Quanto ao seu peso real (pesámos na nossa própria balança), pesa 322 gramas no tamanho M, enquanto o comando sem fios, com pilha incluída, pesa 19 gramas. Nada mau, para um conjunto que oferece tanto.

A gama de capacetes desta marca também inclui capacetes urbanos e de estrada, mas escolhemos este por ser mais polivalente, dado que o testámos maioritariamente em trilhos de BTT, em incursões em gravel e em deslocações urbanas. 

CONNECTED!

Primeiro, é necessário instalar a aplicação da marca (disponível em iOS e Android), registar como utilizador e emparelhar o telemóvel com o capacete. A confirmação do emparelhamento é feita verbalmente: Power On... Connected! Também temos de sincronizar o comando remoto com a aplicação e com o capacete. Depois de tudo devidamente emparelhado, podemos começar a aproveitar todas as suas funções. 

comando

O comando é muito compacto, pesa 19 gramas e podemos transferi-lo para outra bicicleta com facilidade

Podemos levar nas nossas voltas somente o capacete, e nesse caso o Livall funcionará somente como um sistema de iluminação traseiro que nos tornará visíveis onde pedalarmos, com a particularidade de avisar os demais quando fizermos uma travagem brusca, dado que o seu acelerómetro capta a mudança de velocidade e aciona a luz de travagem. Experimentámos várias vezes e funciona muito bem. Se levarmos nas nossas voltas o capacete e o smartphone, podemos fazer e receber chamadas, conectar com um grupo que também use capacetes da Livall no modo walkie talkie, bastando carregar num botão para falar, enviar alertas com a nossa localização aos contatos de emergência que fornecermos de forma automática se cairmos, ouvir música (proveniente do smartphone), regular o volume a partir dos botões frontais, saltar de música em música e aceder ao assistente de voz. E se levarmos o comando remoto, podemos maximizar a sua utilização, usando o assistente de voz ao carregar num botão, controlando também a câmera fotográfica ou de vídeo do telemóvel

livall mt1 neo 03 7 1200x690

Na zona frontal encontramos três botões, o microfone e a porta de carregamento. Nas laterais está o sistema altavoz.

PASSEIOS MENOS ABORRECIDOS

Das coisas que mais gostámos neste capacete e que podem tornar os nossos passeios mais longos ou monótonos menos aborrecidos, é a possibilidade de ouvir música ou podcasts. Além disso, podes receber chamadas sem deixar de pedalar. E com o assistente de voz é possível usar o capacete como se fosse um GPS, seguindo os passos ditados por voz. A cereja no topo do bolo é a possibilidade de, em pleno andamento, dizeres para onde queres ir e o sistema vai dando as indicações. No entanto, solicitamos precaução, pois os percursos de bicicleta sugeridos pelo Google Maps ou pelo Maps do iPhone, sobretudo em terrenos agrícolas, podem ser um pouco surrealistas, mas se usares aplicações como o Komoot, Wikiloc ou Naviki não terás problemas. Quando testámos o capacete ainda não tinha linguagem em português, mas o inglês e o espanhol estão acessíveis. 

E EM CASO DE QUEDA?

Caso sofras uma queda grave, o capacete Livall deteta o impacto através do seu acelerómetro e envia uma mensagem com a tua localização para o contato de emergência que guardares na aplicação. Se for falso alarme ou a queda não provocar danos graves, podes parar o processo para não assustar os teus familiares e também o podes iniciar de forma voluntária caso se sintas mal. 

Para além de todas estas tecnologias, tem uma rede anti-insectos incluída nas espumas frontais interiores, e o fecho traseiro é ajustável. Tudo funciona bem, excepto as fitas de ajuste ao rosto. Porquê? Porque as peças de plástico presentes debaixo das orelhas (de ajuste vertical) não prendem bem, desapertando-se em andamento, pelo menos no modelo que testámos. É certamente um ponto a rever, apesar de não colocar a nossa segurança em risco. Em todo o caso, sempre que fomos pedalar tivemos de reajustar estas fitas. 

OK:

  • Excelente relação qualidade-preço (119 €).
  • Utilidade e segurança: pode salvar-nos a vida.
  • Torna as voltas de bicicleta menos aborrecidas.

KO:

  • Com vento forte ou altas velocidades o som não é tão percetível.
  • Por vezes custa sentir qual é o botão correto do capacete, sobretudo com as luvas postas. Um botão central sobredimensionado será uma solução. Se usarmos o comando remoto, este problema não existe. 
  • Ajuste das fitas debaixo das orelhas desprende-se com alguma facilidade. 

Preço aproximado 119 €

Peso: 322 g

Mais informações em https://livall.eu/es/.

POC lança o Omne Eternal, o primeiro capacete com luz autoalimentada que não precisa de carregamento

Relacionado

POC lança o Omne Eternal, o primeiro capacete com luz autoalimentada que não precisa de carregamento

Livall MT1: o capacete com luz, alta voz e microfone

Relacionado

Livall MT1: o capacete com luz, alta voz e microfone

Protege a tua roupa com o Mud Slim

Relacionado

Protege a tua roupa com o Mud Slim

O sensor que evita a chegada do "homem da marreta"

Relacionado

O sensor que evita a chegada do "homem da marreta"

Nossos destaques