comitium

José Dias e Hans Becking terminam o Cape Epic no terceiro lugar

A dupla formada pelo português José Dias e pelo holandês Hans Becking terminou a prova por etapas Cape Epic, na África do Sul, num honroso terceiro lugar final.

José Dias e Hans Becking terminam o Cape Epic no terceiro lugar
José Dias e Hans Becking terminam o Cape Epic no terceiro lugar

A prova de BTT por etapas mais conhecida do mundo, Cape Epic, que se realiza na Áfica do Sul, terminou ontem com a vitória da dupla formada por Jordan Sarrou/ Matthew Beers.

Os participantes da edição deste ano tiveram pela frente um Prólogo e sete etapas, com 655 km e 15.500 metros de acumulado. 

No Prólogo, a dupla da Buff/Scott formada por Becking e José Dias foi a 10ª classificada, tendo a dupla da NinetyOne-songo-Specialized (Sarrou/Beers) dominado com uma boa vantagem. 

 

Na primeira etapa, a experiente equipa BULLS 1 (Urs Huber/Simon Schneller) deu o litro na curta (97 km), mas exigente etapa, que incluía uma dura subida técnica. Ganhou com uma vantagem mínima, tendo no segundo lugar ficado mais dois representantes da equipa BULLS, Martin Frey/Simon Stiebjahn. José Dias e o seu companheiro de equipa foram quinto classificados, fazendo com que na classificação geral tenham subido ao quarto lugar.

dias
 

A segunda etapa foi uma das mais duras, com 97 km e 2.500 metros de acumulado, desde o vale de Ceres até aos sinuosos trilhos de Bokkeveld. Jordan Sarrou e Matthew Beers imprimiram uma velocidade muito alta, completando a jornada em 3h56m02. Não só ganharam etapa, como reforçaram a liderança na classificação geral. José Dias e Becking terminaram na quarta posição, a 2m01, precisamente o mesmo posto que ocupavam na geral. 

José Dias
José Dias esteve em grande nível na sua primeira participação no Cape Epic

O bucólico vale de Tulbagh foi o cenário da terceira etapa, com muitas subidas e descidas. Embora não tenha sido um dia tão duro como o anterior, foi aqui que se notou a quebra de algumas equipas, que não conseguiram descansar e recuperar devidamente. Andreas Seewald e Martin Stosek (Canyon/Northwave) foram os vencedores desta etapa, enquanto Sarrou/Beers terminaram no quinto posto. Em todo o caso, na geral, a NinetyOne-songo-Specialized continuava com uma vantagem confortável. José Dias e Hans Becking fecharam o dia com o 8º posto, descendo ao quinto lugar da geral. 

A quarta etapa foi de sonho. A dupla luso/holandesa ganhou a jornada composta maioritariamente por estradas e caminhos rurais, tendo os últimos quilómetros (dos 105 que perfaziam o dia) sido bastante técnicos. O segundo lugar foi obtido pela dupla que liderava a geral. Feitas as contas, o português e o holandês voltaram a subir um lugar na geral, ou seja, voltaram ao quarto posto. 

Dupla Dias e Becking
 

Seguiu-se uma etapa dura, com muitas subidas, como prova o acumulado de subida: 2.900 metros. A parte final incluía uma descida em singletrack um pouco longa. Novamente, a dupla da BUFF/Scott esteve em grande nível, ganhando com uma vantagem confortável. Isto permitiu aproximar mais da terceira posição da geral.

A sexta etapa não foi misericordiosa. Durante os 95 km da jornada, não houve um único momento de descanso, tendo a dupla composta pelas locomotivas Martin Frey/Simon Stiebjahn sido a mais forte. Becking e José Dias terminaram no terceiro posto apesar de sofrerem dois furos, à frente da dupla que na geral estava à sua frente. Assim, mantiveram o quarto lugar da geral, mas mais perto ainda do terceiro lugar.

becking e dias
 

A última etapa incluiu 68 tortuosos quilómetros que uniram Wellington a Val de Vie. Foi mais um dia feliz para José Dias e Han Becking, que ganharam a jornada, batendo por poucos segundos os líderes da geral. Mas, sobretudo, fecharam o Cape Epic com chave de ouro: ganharam a última jornada e subiram ao terceiro lugar da geral, subindo assim ao pódio. Foi, aliás, a melhor classificação de sempre da equipa espanhola nesta prova. 

José Dias e Hans Becking no pódio do Cape Epic
José Dias e Hans Becking no pódio do Cape Epic

Jordan Sarrou/Matthew Beers ganharam a prova e a equipa BULLS 2 (Martin Frey/Simon Stiebjahn) ficou em segundo lugar (da geral, claro). 

 

Destaque ainda para o 26º posto da equipa lusa Eat Sleep Ride Repeat, composta por Rui Porto Nunes e André Filipe.

Na categoria feminina, a dupla formada por Sina Frei e Laura Stigger (também da equipa NinetyOne-songo-Specialized) foi a dominadora. 

Poderás consultar todos os resultados e vídeos ao clicar aqui

Arquivado em:

Absa Cape Epic 2021: datas, etapas, gráficos e guia oficial

Relacionado

Absa Cape Epic 2021: datas, etapas, gráficos e guia oficial

José Dias conquista o bronze no Mundial de Maratona BTT

Relacionado

José Dias conquista o bronze no Mundial de Maratona BTT

 Tiago Ferreira sexto classificado no Campeonato da Europa de XCM

Relacionado

Tiago Ferreira sexto classificado no Campeonato da Europa de XCM

Edição nº21 da revista BIKE já nas bancas

Relacionado

Edição nº21 da revista BIKE já nas bancas

Os melhores videos