Organização dos Jogos Olímpicos reitera que o Covid-19 não impedirá o evento

Yoshiro Mori, responsável do Comité Organizador dos Jogos Olímpicos de Tóquio, voltou a assegurar que o evento será realizado este Verão. "O importante agora é pensar num tipo diferente de Jogos Olímpicos", salientou.
EFE -
Organização dos Jogos Olímpicos reitera que o Covid-19 não impedirá o evento
Organização dos Jogos Olímpicos reitera que o Covid-19 não impedirá o evento

O Primeiro Ministro do Japão, Yoshihide Suga, afirmou esta terça feira que o país continua "focado em continuar os seus esforços para organizar os Jogos Olímpicos de forma segura", após decidir a extensão, até Março, do Estado de Emergência sanitária devido à pandemia.

Suga pronunciou-se desta forma numa conferência de imprensa convocada para anunciar o prolongamento dessa medida extraordinária, que está em vigor desde Janeiro em Tóquio e em outras regiões mais povoadas do país e que se prolongará até ao dia 7 do próximo mês devido à pressão sobre o sistema sanitário, apesar da redução do número de contágios.

Quando questionado sobre se o estado de emergência poderá afetar a presença de espectadores nas competições olímpicas ou a chegada de visitantes estrangeiros ao Japão para o evento, Suga assinalou que essas questões ainda estão por decidir e dependerão da evolução da pandemia.

"Estudaremos a situação dentro e fora do Japão", referiu o Primeiro Ministro nipónico, o qual explicou que a emergência sanitária poderá ser levantada antes do dia 7 de Março se os dados referentes aos contágios e hospitalização de doentes graves melhorarem.

"AVANÇAREMOS COM OS JOGOS"

O responsável do comité organizador de Tóquio 2020, Yoshiro Mori, também se mostrou otimista. "Avançaremos com os Jogos, seja qual for a evolução do coronavírus". Lembramos que o evento, se seguir a data prevista, começa no dia 23 de Julho na capital nipónica.

Mori destacou que é urgente "deixar para trás as discussões" sobre se os Jogos se vão realizar ou não e assinalou que o mais importante nesta altura é "pensar num outro tipo de Jogos".

A extensão do alerta sanitário afetará 10 das 47 prefeituras do país, entre elas Tóquio. A medida não inclui um confinamento, embora recomende à população evitar saídas desnecessárias, pedindo aos bares e restaurantes que antecipem o encerramento (às 20h), e fomentando o teletrabalho.

Além disso, as autoridades nipónicas mantêm as fronteiras fechadas, não permitindo a entrada de visitantes estrangeiros desde o final do passado mês de Dezembro.

PROVAS DE CICLISMO

As provas de ciclismo de estrada dos Jogos Olímpicos de Tóquio estão programadas para os dias 24 de Julho (prova masculina), 25 (prova feminina) e 28 (contrarrelógio masculino e feminino). Por sua vez, as provas de BTT decorrerão nos dias 26 e 27, as de BMX de dia 29 de julho a 1 de agosto, enquanto as de ciclismo de pista estão previstas de 2 a 8 de Agosto.