Volta a Itália: Geoghegan Hart ganha 15ª etapa, mas João Almeida mantém a rosa

João Almeida sofreu muito hoje para manter a camisola rosa, após um previsível ataque da Sunweb.
BIKE -
Volta a Itália: Geoghegan Hart ganha 15ª etapa, mas João Almeida mantém a rosa
Volta a Itália: Geoghegan Hart ganha 15ª etapa, mas João Almeida mantém a rosa

O britânico Tao Geoghegan Hart (Ineos Grenadiers) ganhou este domingo a 15ª etapa da Volta a Itália, num percurso de 185 km entre a Base Aérea Rivolto e Piancavallo, na qual João Almeida (Deceuninck-Quickstep) conseguiu manter a camisola rosa, por somente 15 segundos.

Geoghegan Hart aproveitou o intenso trabalho do australiano Jai Hindley (Sunweb) em prol do seu colega de equipa, o holandês Wilco Kelderman, batendo-os facilmente na linha de meta.

Pello Bilbao (Bahrain-McLaren), Vincenzo Nibali (Trek-Segafredo), Rafal Majka (Bora-Hansgrohe), Jakob Fuglsang (Astana) e Domenico Pozzovivo (NTT) afastaram-se dos lugares de honra no pódio, facto que foi aproveitado por Hindley (3º a 2m56) e por Geoghegan Hart (4º a 2m57).

A montanha voltou a ser protagonista da Volta a Itália nesta 15ª etapa, a qual - como já se sabia - foi decisiva para as contas da geral, devido à última subida de 14 km até à meta, com 7,8% de média e rampas de até 14%. Antes, o pelotão teve de ultrapassar três subidas de segunda categoria: Sella Chianzutan, Forcella di Monte Rest e Forcella di Pala Barzana.

Foi um duro teste para João Almeida, que após um excelente crono ontem, enfrenta agora a última semana de prova com uma margem escassa e falta ainda muita montanha pela frente.

A etapa de hoje chegou a ter uma fuga de onze ciclistas, com João Almeida sempre protegido pela sua equipa. A Sunweb comandava a perseguição aos fugitivos e Pozzovivo (NTT) sofreu muito para seguir o ritmo.

A fuga foi perdendo elementos, com Rohan Dennis a deixar para trás os seus companheiros.

A Sunweb de Kelderman marcava o ritmo e João Almeida, cada vez com menos companheiros para o ajudar, resistia, enquanto Majka e Bilbao pareciam não estar muito confortáveis, tal como Fuglsang e Pozzovivo. Apenas o líder e Nibali pareciam suportar o ritmo da equipa alemã, enquando Dennis acabou por ser neutralizado a 10 km da meta.

Volta a Itália: Geoghegan Hart ganha 15ª etapa, mas João Almeida mantém a rosa

Momento em que João Almeida perdeu o contacto com o trio da frente

Mas Nibali também acabou por ceder. Nessa altura apenas resistiam ao ritmo da Sunweb, Almeida, Majka, Masnada e Geoghegan. A 7 km, o jovem Hindley aumentou a dureza na subida, levando consigo o seu líder. João Almeida não aguentou e cedeu espaço, mas rapidamente encontrou o seu próprio ritmo, tentando minimizar o prejuízo. Nibali, Bilbao e Fuglsang perdiam tempo, deixando claro que o Giro, por agora, será decidido entre João Almeida e Kelderman.

Na meta, o jovem britânico da Ineos-Grenadiers ofereceu a 5ª vitória à sua equipa, enquanto Kelderman (2º classificado na tirada) conseguiu reduzir a sua desvantagem para João Almeida na geral.

Amanhã será o dia da segunda jornada de descanso, entrando depois o pelotão na semana decisiva do Giro.

CLASSIFICAÇÃO GERAL

Volta a Itália: Geoghegan Hart ganha 15ª etapa, mas João Almeida mantém a rosa