Trek-Segafredo com equipa de luxo na Volta ao Algarve

Bauke Mollema, Vincenzo Nibali e a restante comitiva da Trek-Segafredo estiveram a fazer um estágio em altitude em Teide antes de rumarem ao Algarve, onde esperam um bom resultado.
Carlos Pinto / Foto: Arquivo -
Trek-Segafredo com equipa de luxo na Volta ao Algarve
Trek-Segafredo com equipa de luxo na Volta ao Algarve

Está tudo a postos para a participação da equipa norte-americana Trek-Segafredo na Volta ao Algarve. Será a estreia de Vincenzo Nibali no nosso país e simultaneamente será a primeira prova do italiano com as cores da sua nova equipa. Nibali já confessou que a Volta ao Algarve se enquadra perfeitamente com aquilo que anseia no início desta época, cujo primeiro objetivo será a Volta a Itália. O italiano diz que pretende iniciar a temporada calmamente, sem grande pressão, pelo que é expectável que o italiano não venha com o intuito de tentar ganhar, mas sim, rodar e forçar o corpo a entrar no modo de competição.

Todavia, Nibali é bem capaz de dar o ar da sua graça nas duas chegadas em alto, bem como no contrarrelógio, até porque Luca Guercillena, Diretor Desportivo da equipa, deposita muitas expetativas no italiano, além de que é um dos ciclistas mais bem pagos da estrutura.

A Trek-Segafredo já realizou três estágios antes do início desta época - um na Sicília, outro em Palma de Maiorca e o terceiro em Teide - pelo que o andamento do coletivo já está apurado. O holandês Bauke Mollema participará pela segunda vez na "Algarvia", pelo que certamente quererá igualar ou melhorar o quarto lugar obtido em 2018.

A apoiar Nibali e Mollema estarão Jasper Stuyven e Ryan Mullen, dois ciclistas fundamentais na vitória de Matteo Moschetti em Maiorca, bem como o capitão Koen de Kort (que já competiu este ano na Austrália) e Edward Theuns, bem como o irmão de Vincenzo, Antonio Nibali (que também se estreia na equipa).