Porque é que é importante fazer séries?

Será que são úteis unicamente para quem compete ou também para qualquer betetista?
Carlos Pinto
Porque é que é importante fazer séries?
Porque é que é importante fazer séries?

Há quem pense que as séries apenas devem ser feitas pelos profissionais de XCO. Contudo, a verdade é bem diferente, pois está provado que fazer alguns treinos mais intensos (séries) melhora as aptidões em qualquer betetista que queira melhorar a sua condição física, especialmente durante aquela época do ano em que existe o objetivo de participar numa determinada maratona ou passeio exigente. Vejamos porquê...

O que são as séries? Basicamente são várias repetições de um esforço feito a uma intensidade média/alta, deixando um tempo de recuperação entre cada repetição.

Para que é que servem? Basicamente, o objetivo é passar mais tempo a uma determinada intensidade. Por exemplo: se queremos treinar o limiar anaeróbico, fazer uma hora seguida a uma intensidade limiar supõe um esforço grande. Contudo, fazer 3 séries de 20 minutos ou 4 séries de 15 minutos a essa intensidade é muito mais fácil. Quanto maior for a intensidade do treino, mais justificado é o treino de séries.

Outro exemplo. Para melhorar o consumo máximo de oxigénio devem-se fazer séries de entre 3 e 5 minutos praticamente a cem por cento. Se simplesmente rolarmos, embora em alguma parte iremos alcançar essa intensidade, não estaremos realmente a estimular essa capacidade. Apenas conseguiremos atingir esse objetivo fazendo séries.

Último exemplo prático. Se queremos melhorar as nossas capacidades para superar as pequenas subidas sem ficar para trás, a melhor forma é fazer muitas dessas subidas em forma de séries. Por exemplo: 8 subidas de um minuto a um ritmo muito elevado. Se o nosso treino consiste em pedalar a ritmo elevado durante uma ou duas horas, melhoraremos um pouco o nosso limiar, mas isso apenas servirá para melhorar em subidas curtas...

Quanto tempo duram? É relativo. Como vimos nos exemplos que apresentámos, depende dos objetivos das mesmas. Mas podemos fazer uma classificação. Séries longas: entre 10 e 30 minutos. São séries nas quais o objetivo é a melhoria do limiar anaeróbico. Séries médias: 3 a 5 minutos. O objetivo é a melhoria do consumo máximo de oxigénio. Séries curtas: 30 segundos a 2 minutos. O objetivo é a resistência anaeróbica e a tolerância ao lactato.

Devemos fazer séries todos os dias? Não. Recomendamos fazer séries entre 2 a 3 dias por semana, deixando pelo menos 48 horas de recuperação entre esses treinos.

Devem ser feitas todo o ano? É possível, mas deixando as curtas e as médias apenas para a época do ano na qual se pretende estar em melhor forma.