Cancelada a partida da Volta a Espanha nos Países Baixos

A situação de excepcionalidade mundial causada pela pandemia de COVID-19 obriga a Unipublic a cancelar a partida oficial, que se iría realizar na Holanda.
Carlos Pinto
Cancelada a partida da Volta a Espanha nos Países Baixos
Cancelada a partida da Volta a Espanha nos Países Baixos

A Volta a Espanha 2020, caso se venha mesmo a realizar, não terá a sua partida oficial nos Países Baixos. Devido à situação excepcional gerada pelo coronavírus, o comité organizador da prova foi obrigado a cancelar a partida em solo holandês.

Esta decisão surgiu em seguimento da reorganização do calendário de ciclismo deste ano, anunciado pela UCI no passado dia 15 de abril e às medidas implementadas recentemente pelo governo holandês proibindo a celebração de eventos desportivos até ao dia 1 de setembro. Isto fez com que a Volta a Espanha tivesse de ser adiada, estando previsto decorrer depois dos Campeonatos do Mundo de Ciclismo e não nas datas inicialmente previstas (14 de agosto a 6 de setembro).

Apesar da vontade de ambas as partes (Unipublic e secção holandesa responsável pela Vuelta) em tentar manter a partida oficial em Utrecht, foi impossível encontrar uma data que possa encaixar no projeto com as suas novas condicionantes. "O arranque da Volta a Espanha 2020 na Holanda era um projeto que estava planeado ser uma grande festa de Verão. Perante a impossibilidade de assegurar a partida prevista com todas as garantias necessárias para um evento destas características, decidimos cancelar esta parte".