Publicidade

Como maximizar a motivação perante um treino?

Se anseias por te superares e por ter bons resultados nas provas, essas motivações podem ser suficientes para ti. Mas presta atenção nesta análise e escolhe um calendário de provas que seja ajustado a ti.
Jorge Blasco -
Como maximizar a motivação perante um treino?
Como maximizar a motivação perante um treino?

A superação pessoal é o objetivo e a motivação de muitos de nós enquanto ciclistas. Tal como melhorar física e tecnicamente para atingir um determinado desafio, como participar numa prova ou conseguir acompanhar os amigos que têm uma preparação física mais cuidada. A motivação competitiva é ainda mais exigente do que a superação pessoal e esta passa, necessariamente, por medir o nosso desempenho com o de outros atletas e conseguir atingir os melhores resultados possíveis perante os mesmos. Esta matriz é importante na hora de estabelecermos um plano de treino e mais ainda, quais as competições em que vamos participar. 

Quando soubermos o que é que nos motiva, aí sim, vamos ver o que é que podemos fazer para que essa motivação seja duradoura. 

Calendário bem escolhido (sê realista)

O fundamental é que escolhas objetivos exigentes, mas realistas, exequíveis para as nossas qualidades e as nossas circunstâncias. Não queremos "abraçar árvores demasiado largas para os nossos braços". Quanto maiores forem essas provas, mais tempo vou precisar para treinar convenientemente. Se o meu trabalho e a minha família não me deixam tempo suficiente é melhor procurar objetivos mais simples, ou pelo menos, mais curtos. 

Devemos evitar levarmo-nos por publicidades ou modas

Se o que gostamos é a competição pura e dura, o melhor é identificar aquelas provas que se adaptam melhor a nós. XCO se sou muito técnico e tenho uma boa potência aeróbica; Maratonas se sou pior tecnicamente (há mais variedade de percursos) e tenho um motor mais diesel; provas por etapas se recupero bem de um dia para o outro. 

Devemos evitar deixar-nos levar por publicidades abusivas ou pelas modas. Algumas provas podem ter nome na praça (como se diz na gíria), mas não se adaptarem às nossas características. Escolher as que se melhor adaptam tornarão mais difícil ficarmos frustrados. Além disso, será mais fácil mantermos uma motivação alta, evitando que perante a expetativa de um possível fracasso, o peso desse objetivo acabe por nos retirar sequer a vontade de continuar a treinar. 

 

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para facilitar e melhorar a navegação, mostrar conteúdo relacionado às suas preferências e coletar informações estatísticas. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita seu uso. Mais informação.