Publicidade

Tens medo nas descidas? Aprende a descer em segurança

Se acabaste de ficar viciado no BTT, mas as descidas técnicas deixam-te paralizado e com suores frios, não te preocupes. Segue os nossos conselhos e verás que perderás o medo.
www.mountainbikes.pt -
Tens medo nas descidas? Aprende a descer em segurança
Tens medo nas descidas? Aprende a descer em segurança

Para nos sentirmos mais seguros nas descidas podemos aprimorar duas coisas: a nossa bicicleta e nós mesmos.

O que é que devemos fazer na nossa bicicleta?

Por um lado, a bicicleta que utilizemos vai influenciar em grande medida a nossa segurança. 

1. Uma primeira recomendação é a utilização de uma bicicleta de suspensão total, já que proporciona mais segurança nas descidas.

2. Além disso, instalar um espigão telescópico com comando remoto é também uma medida que se vai traduzir em segurança e tornar a bicicleta mais manejável. 

3. Devemos assegurar-nos de que a regulação da suspensão e do amortecedor é a correta. 

E nós? O que é que podemos fazer?

Quanto a ti, aconselhamos-te que tires um dia ou dois para treinar exclusivamente exercícios de técnica para que ganhes confiança. Podes fazer isto num parque perto de casa. Estes são os exercícios que recomendamos: 

>Equlíbrio: tenta aguentar o máximo de tempo possível sem saíres do mesmo sítio. Podes fazê-lo completamente parado ou dando saltos com a roda dianteira. Podes também, pressionando o travão dianteiro, aprender a levantar a roda traseira. Se não tens muito à vontade com os pedais automáticos, recomendamos-te que não os encaixes quando estiveres a fazer estes exercícios. 

>Cavalinhos: vai experimentando e tenta aguentar o máximo tempo possível. 

>Bunny-hop. Um bunny-hop é um salto. Mas um salto sem aproveitar nenhuma rampa ou desnível. Trata-se de ser capaz de levantar as duas rodas para superar um obstáculo. É possível passar por cima de um obstáculo de duas maneiras: levantar primeiro a roda dianteira e depois a traseira ou levantando as duas ao mesmo tempo. Com a primeira técnica conseguimos mais altura, mas é mais difícil. A segunda é mais fácil e consiste em aproveitar a ajuda dos pedais fazendo força para baixo e depois para cima fazendo com que a bicicleta acompanhe o movimento corporal. Esta técnica é imprescindível sobretudo para passar por cima de troncos e outros obstáculos que possamos encontrar. Quando já conseguires controlar esta manobra, podes passar a obstáculos um pouco mais complicados.  

>Descidas com muito desnível. Procura uma descida desnivelada em que possas praticar. O principal truque é colocar o traseiro atrás do selim e dosear a travagem. 

>Posição de descida. Quando enfrentamos uma decida, ajuda bastante se adotarmos a seguinte posição em cima da bicicleta: 

▶ Calcanhares baixos. Deves ter os calcanhares o mais baixos possível. 

▶ Obviamente, não podes ir sentado em cima do selim.

▶ Os cotovelos devem estar para fora.

▶ As mãos devem estar relaxadas, sem peso.

▶ As costas devem estar planas.

Nesta posição, é mais fácil reagir perante as dificuldades que encontremos e controlaremos melhor a bicicleta. 

Um último conselho. É importante ter paciência e perseverança pois não se melhora de um dia para o outro. Para melhorar a nossa técnica é imprescindível dedicar tempo, dedicarmo-nos nas partes que ainda não dominamos, por pior que sejam. A dedicação dá resultados, 

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para facilitar e melhorar a navegação, mostrar conteúdo relacionado às suas preferências e coletar informações estatísticas. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita seu uso. Mais informação.