Publicidade

Ciclismo ocupa o 13º lugar em casos de dopagem, segundo o MPCC

Um estudo publicado pelo Movimento para um Ciclismo Credível refere que houve 17 casos de dopagem no ciclismo profissional em 2018, havendo doze modalidades (com o atletismo na linha da frente) a registar mais casos.
EFE. Foto: Bettini Photo -
Ciclismo ocupa o 13º lugar em casos de dopagem, segundo o MPCC
Ciclismo ocupa o 13º lugar em casos de dopagem, segundo o MPCC

 

O ciclismo aparece no 13º lugar na lista de modalidades com mais casos de doping em 2018, segundo o estudo publicado pelo Movimento para um Ciclismo Credível (MPCC), associação que tem como objetivo defender a ideia de um ciclismo transparente e responsável, que atualmente conta com 7 equipas do World Tour entre os seus membros.

Segundo os dados do MPCC há uma dezena de desportos cuja credibilidade está mais danificada do que a do ciclismo, sendo o atletismo, com 98 casos, o basebol (83), a halterofilia (74) e o futebol (73) as modalidades que ocupam as primeiras posições. O ciclismo tem 17 casos.

Este barómetro do MPCC, que só tem em conta os casos revelados pelas federações ou a imprensa e entre os quais só são referenciados os atletas de alto nível, destaca os Estados Unidos como o país mais afetado pelo doping com 128 casos, seguido da Rússia com 71 e a Itália com 38. O nosso vizinho, a Espanha, tem 11 casos e Portugal aparece na listagem no lugar 37 com um caso de doping e quatro que envolvem doping e corrupção. 

No caso do ciclismo foram encontrados dois casos em equipas World Tour, quatro na categoria Profissional Continental, quatro na Continental e sete em várias especialidades. Ou seja menos casos do que em 2017, mas mais do que em 2016. 

Pela primeira vez o MPCC também contabilizou os casos de corrupção, que incluem a negligência financeira como a parcialidade. Nestes casos, revelados com maior frequência pela imprensa, os mesmos afetam gravemente a credibilidade do desporto, tal como os casos de doping, segundo o comunicado.

Embora não tão frequentes, os casos de corrupção estão longe de ser insignificantes, "já que identificámos 136 (todas as modalidades combinadas) durante o ano de 2018. Os casos de corrupção estão muito mais dispersos geograficamente do que os casos de doping."

Somatório do número de casos de doping e corrupção revelados em 2018 por modalidade:

.1. Atletismo 102

.2. Basebol 83

.3. Halterofília 74

.4. Futebol 73

.5. Equitação 41

13. Ciclismo 17

Casos revelados por países:

.1. Estados Unidos 131

.2. Rússia 76

.3. Itália 42

.4. República Dominicana 29

.5. India 27

12. Portugal 4.

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para facilitar e melhorar a navegação, mostrar conteúdo relacionado às suas preferências e coletar informações estatísticas. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita seu uso. Mais informação.