Publicidade

Selins anti-prostáticos. Serão mesmo uma boa opção?

Amplamente implantados no mercado, os selins anti-prostáticos procuram combater um dos problemas mais frequentes dos ciclistas.
Revista BIKE -
Selins anti-prostáticos. Serão mesmo uma boa opção?
Selins anti-prostáticos. Serão mesmo uma boa opção?

Evidentemente nem todos usam selins anti-prostáticos, e isso acontece porque nem todos precisam. A questão é saber quando é que é necessário usar um selim deste tipo, e isto tem a ver com outras coisas para além da próstata. A próstata é um pequeno órgão glandular que se assemelha a uma castanha e que está situada entre os testículos e o anus, tendo várias funções. Com a idade, é muito frequente aparecer a hiperplasia benigna da próstata, que é um aumento de tamanho da mesma sem grandes consequências, para além da vontade acrescida de urinar, entre outros desconfortos. Outro problema frequente são as prostatites, que são inflamações (infeciosas ou não) da próstata, cujas origens podem ser várias. 

Não existem estudos suficentes que provem que existe uma correlação entre a prática de BTT e estas lesões, a não ser que a posição em cima da bicicleta seja realmente incorreta e se repita durante muitas horas. Mas é verdade que a prática de BTT pode piorar ou desencadear alguns processos relacionados com prostatites, especialmente se durante a prática desportiva se pressiona diretamente a zona diminuindo o fluxo sanguíneo da mesma.

Nestas situações, deve-se procurar evitar a pressão na zona do períneo, ou seja, na zona precisamente debaixo da próstata. Além de escolher um selim adequado, a posição em cima da bicicleta determinará a pressão que se exercerá nessa zona.

Respondendo à pergunta inicial, é verdade que os selins com abertura contribuem para a redução da pressão na zona genital. Quanto maior for a abertura, melhor. É muito importante que o selim tenha a largura adequada para conseguir um bom apoio dos isquios. Outra alternativa se a situação é mais extrema é utilizar selins sem nariz. O mal destes selins é que podem ser mais incómodos ao colocar toda a pressão unicamente sobre os isquios. A colocação do selim é muito importante quando o objetivo é precisamente reduzir a pressão perineal. Para tal, deve-se colocar o selim com uma ligeira inclinação para baixo. Além disso, deve-se ter em conta que as seguintes situações também aumentam a pressão perineral: selim muito alto, selim muito recuado, guiador demasiado baixo em relação ao selim e guiador demasiado afastado. 

 

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para facilitar e melhorar a navegação, mostrar conteúdo relacionado às suas preferências e coletar informações estatísticas. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita seu uso. Mais informação.