Publicidade

As medidas da tua bicicleta: 5 valores que deves controlar

O grau de conforto que levamos quando andamos de bicicleta depende basicamente de uma coisa: as medidas que estiverem aplicadas na nossa bike. Neste artigo revisitamos o conceito de medidas da bicicleta e ensinamos-te a foma mais adequada de as registar.
www.mountainbikes.pt -
As medidas da tua bicicleta: 5 valores que deves controlar
É importante saberes as medidas mais adequadas para adaptar a tua bicicleta a ti próprio.

As medidas da nossa bicicleta referem-se à distância que existe entre os pontos de contacto da bicicleta, ou seja, os pedais, o selim e os punhos. O objetivo de registar estas medidas é que isso nos permita duplicar a nossa poisção noutra bicicleta, especialmente quando já conseguimos uma posição na qual estamos bastante confortáveis. 

É frequente encontrarmos bikers que estão perfeitamente bem numa bicicleta e quando mudam custa-lhes encontrar novamente a posição correta, precisamente porque não se deram ao trabalho de anotar as medidas com as quais se sentiam bem em cima da sua bicicleta antiga. Relativamente a este tema, convém mencionar que quando se muda de bicicleta, embora seja do mesmo tamanho, é necessário fazer um micro ajuste da posição que inclui a colocação do selim à altura correta e o seu recuo, bem como o ajuste do guiador. As bicicletas não saem das lojas prontas para andar horas a fio, é preciso ajustá-las ao ciclista. Vejamos as medidas que devemos ter em conta:

1- Altura do selim. É a medida mais importante. Para medi-la, iremos ter dois pontos de referência. O primeiro é o centro do selim. Para encontrarmos o valor, medimos o comprimento do selim e localizaremos o centro do mesmo. O segundo ponto é o eixo do pedaleiro. A medida correspondente com a altura do selim será a distância entre o ponto central do selim e o centro do eixo pedaleiro. Neste ponto, é importante anotar o comprimento do pedaleiro que estivermos a usar, dado que se aumentamos o tamanho do mesmo será preciso baixar o selim para conseguir a mesma distância até ao pedal. 

2- Recuo do selim. Devemos saber se o nosso selim está muito recuado ou adiantado relativamente ao eixo pedaleiro, já que esta medida influencia na mecânica de pedalada e na repartição de pesos. Os dois pontos de referência são: o eixo do pedaleiro e a ponta do delim. Para medir, colocamos a roda traseira contra uma parede de forma a que a bicicleta fique em ângulo reto. Medimos a distância horizontal que existe entre a parede e o eixo do pedaleiro. A seguir, medimos a distância horizontal entre a parede e a ponta do selim. A diferença das duas medidas será o recuo do selim. Um recuo de -5 cm significa que a ponta do selim está 5 cm atrás do eixo do pedaleiro. 

3- Ângulo do selim. Convém comprovar o ângulo que o selim tem relativamente à linha horizontal. Se não possuímos um nível digital, existem aplicações móveis que podem fazer esta medição. Para medir corretamente, devemos colocar um objeto plano (uma placa de madeira, por exemplo) em cima do selim e medir a inclinação da mesma. 

4- Alcance do punho. Esta medida vai determinar quão esticados vão os nossos braços enquanto andamos de bicicleta. Para medir, colocamos uma fita métrica na ponta do selim e esticamos na diagonal até ao centro do punho. Esta medição também pode ser feita até ao centro do guiador, mas é mais precisa se medirmos até ao punho, já que temos em conta a curvatura e a largura do guiador. 

5- Altura do punho. Apesar de ser a última não deixa de ser tão importante como as restantes. Trata-se de saber a altura do punho em relação ao selim. Para obter esta medida, devemos colocar a bicicleta nivelada e apontar as medidas: distância desde o solo até ao centro do selim e distância desde o solo até ao centro do punho. A diferença entre elas será a altura do punho. Uma altura de punho de -3 cm significa que o punho está 3 cm abaixo do selim. 

 

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para facilitar e melhorar a navegação, mostrar conteúdo relacionado às suas preferências e coletar informações estatísticas. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita seu uso. Mais informação.