Publicidade

Total substitui Direct Energie como patrocinador principal da equipa

O gigante petroquímico comprou há cerca de um ano a empresa de distribuição de gás e energia, e agora esta aquisição é transferida também para a equipa Continental Profissional. A mudança será efetiva antes da clássica Paris-Roubaix (14 de abril).
Ciclismo a fundo Foto: Bettini Photo -
Total substitui Direct Energie como patrocinador principal da equipa
Total substitui Direct Energie como patrocinador principal da equipa

Em abril de 2018 o gigante petroquímico e energético francês Total anunciou que tinha chegado a acordo para a compra de 74% do capital do produtor e distribuidor francês de energia e gás Direct Energie por cerca de 1.400 milhões de euros. Uma aquisição que se completou em julho e que agora vai ter consequências diretas na equipa de categoria Continental Profissional que patrocina esta companhia. 

Segundo publica o jornal L´Equipe, a Total substituirá a Direct Energie como patrocinador principal da equipa antes da Paris Roubaix, clássica que se celebra no próximo dia 14 de abril. Antes dessa data irá dar-se a conhecer o novo nome oficial e o novo equipamento da equipa dirigida por Jean-René Bernaudeau, e que conta com ciclistas de renome como Niki Terpstra, Lilian Calmenaje, Niccolo Bonifazio, Rein Taramae ou Romain Sicard. Em poucas semanas veremos o equipamento da equipa passar de preto e amarelo para vermelho e azul, com detalhes amarelos, as cores corporativas da Total. 

A Direct Energie é uma das equipas mais fortes da categoria Continental Profissional e uma das aspirantes a subir ao escalão World Tour, petição que poderá agora ser reforçada em 2020, com o apoio de uma empresa com o poderio económico da Total, a quarta maior petrolífera do mundo e que conta com mais de 110.000 trabalhadores, tem resultados positivos na ordem dos 10.000 milhões de euros e uma produção de quase 3 milhões de barris de petróleo por dia. 

Segundo o L´Equipe, a chegada da Total como patrocinador principal implicará um aumento significativo no orçamento da equipa, que atualmente se situa ligeiramente abaixo dos 10 milhões de euros por ano. Com sede em Courbevoie, em Paris, a Total tem investido muito no patrocínio desportivo nos últimos anos, em desportos motorizados, rugby e futebol.

A equipa Direct Energie (anteriormente denominada Bonjour, Brioches La Boulangere, Bbox Bouygues Telecom e Europcar), está a lutar atualmente por um dos convites para participar na Volta a França 2019, já que estão confirmados os dois primeiros wild cards para a Cofidis e para a Wanty-Groupe Gobert. Em princípio os dois lugares restantes sairão do trio de equipas francesas da categoria Continental Profissional formados pela Direct Energie, Vital Concept e Arkea-Samsic. A chegada de um patrocinador de alto nível como a Total pode favorecer as possibilidades da equipa de Bernaudeau de ser convidada. 

 

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para facilitar e melhorar a navegação, mostrar conteúdo relacionado às suas preferências e coletar informações estatísticas. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita seu uso. Mais informação.