Publicidade

Taça de XCO: Rúben Almeida e Maaris Meier vencem em Valongo

Rúben Almeida (BTT Seia) e Maaris Meier (Maiatos-Reabnorte) venceram a categoria de Elite na Valongo International XCO 2018, quarta prova da Taça de Portugal de Cross Country Olímpico.
-
Taça de XCO: Rúben Almeida e Maaris Meier vencem em Valongo
Taça de XCO: Rúben Almeida e Maaris Meier vencem em Valongo

Uma semana após a conquista do título nacional de maratona em Melgaço, Rúben Almeida fez prova da sua polivalência ao triunfar este fim de semana na principal corrida da Valongo International XCO 2018, quarta prova da Taça de Portugal de Cross Country Olímpico. O atleta do BTT Seia arrancou na liderança para ceder, de forma temporária, à entrada da segunda volta o comando da prova ao rival Mário Costa. Rúben Almeida retomou as rédeas na volta seguinte e manteve a toada atacante nas restantes voltas até ao triunfo folgado ao cabo de 1h31m42s de corrida.

As posições imediatas da corrida de Elite Masculinos couberam a Ricardo Marinheiro (Quinta das Arcas/Jetclass /Xarão) e a Mário Costa (Brújula Bike Racing Team), segundo e terceiro classificados, a 2m18s e 4m08s, respetivamente.

A corrida valonguense ditou o final da invencibilidade de Mário Costa no troféu. O betetista da equipa espanhola Brújula Bike Racing Team revelou-se imparável desde o começo da temporada somando vitórias nas anteriores etapas do troféu (Vila Franca, Jamor e Fundão). A sua regularidade permitiu-lhe, no entanto, conservar a liderança da Taça de Portugal de XCO com 132 pontos, mais 12 do que Ricardo Marinheiro, segundo classificado.

Antecipando o desfecho da corrida masculina também entre a Elite feminina se verificaram novidades.Joana Monteiro (Brújula Bike Racing Team), vencedora das três etapas anteriores claudicou em Valongo perante o esforço da estoniana Maaris Meier (Maiatos-Reabnorte). A vencedora da corrida de Elite liderou desde a segunda volta até ao final antecipando-se a Joana Monteiro e à colega de equipa Marta Branco. Na classificação geral do troféu, Joana Monteiro lidera com 135 pontos, contra os 105 acumulados por Marta Branco e os 96 de Lúcia Crespo (ProRebordosa/LROpticas/RJGroup).

Nas restantes corridas foram vitoriados João Rocha (Rodabike / ACRG / Gondomar) o mais lesto entre os Sub-23; Rafael Rita (BTT Loulé / Elevis) o melhor entre os juniores; Raquel Queirós (Quinta das Arcas / Jetclass / Xarão) vencedora da corrida júnior feminina. Nos escalões de formação, Diogo Neves (BTT Loulé / Elevis) venceu nos cadetes, na mais concorrida prova do programa, com 72 inscritos, tendo Ana Santos (ASC / Focus Team - Vila do Conde) sido a melhor cadete feminina. Nas categoria Master foram consagrados: André Filipe (C.P.R. A-do-Barbas), primeiro em Master 30; David Inácio (Automoveis Ribeiro/GDVP) vencedor em Master 40; Rodolfo Lopes (ASC / Focus Team - Vila do Conde), o melhor entre os Master 50. Nas corridas femininas Master, a vitória em Master 30 coube a Raquel Marques (ASC / Focus Team - Vila do Conde) e Filomena Paulo (RÓÓDINHAS / Santos Silva) levou a melhor entre as Master 40.

Na classificação por equipas da competição nortenha o clube BTT Loulé / Elevis foi quem somou mais pontos no ranking. A turma algarvia manteve a liderança da geral coletiva da Taça de Portugal de XCO seguidos da ASC / Focus Team - Vila do Conde e da equipa Maiatos-Reabnorte.

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para facilitar e melhorar a navegação, mostrar conteúdo relacionado às suas preferências e coletar informações estatísticas. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita seu uso. Mais informação.