Publicidade

Deceuninck-Quick Step a estagiar no Algarve

Aquela que foi considerada a melhor equipa em 2018, tem estado a estagiar no Algarve, com vista à preparação das Clássicas que se avizinham.
Carlos Pinto. Foto: João Fonseca -
Deceuninck-Quick Step a estagiar no Algarve
Deceuninck-Quick Step a estagiar no Algarve

 

O mau tempo (frio e chuva) que se tem sentido na Europa voltaram a colocar Portugal, e mais concretamente o Algarve, como um dos locais escolhidos para as equipas treinarem. Por terras lusas já andou há pouco tempo a Mitchelton-Scott e desta vez é a Deceuninck-Quickstep a escolher o nosso país (e mais concretamente o Algarve) como local para estagiar. A equipa trouxe a comitiva que participará nas Clássicas, aproveitando as serras algarvias para colocar à prova o nível de andamento dos seus atletas.

Palma de Maiorca, um dos locais que concentra mais equipas nesta fase do ano, deixou de ser tão aprazível pois a maioria dos restaurantes estão fechados (é um local onde o comércio é muito sazonal que vive muito do turismo ligado ao golf, aos desportos aquáticos e ao ciclismo), sobretudo na zona de Playa del Muro, pelo que o Algarve, com imensa diversidade de escolha, se torna aprazível. Acresce o facto de os ciclistas no Algarve praticamente poderem andar descansados, ao contrário de noutros países, onde são constantamente abordados para selfies e autógrafos.

Segundo algumas equipas que já estagiaram no nosso país, o Algarve apenas tem três defeitos: as estradas são apertadas, os condutores são pouco compreensivos e a maioria dos hoteís está pouco habituada a receber uma comitiva que inclui camiões, autocarros e alguns pedidos "fora do normal". Por outro lado, a relação preço/qualidade da hotelaria, a gastronomia, a simpatia e o clima são pontos a favor. 

Destaque ainda para o facto de Rui Costa ter escolhido a Madeira para estagiar durante alguns dias, aproveitando o bom tempo. O ciclista português da UAE Emirates, que renovou contrato recentemente, fez parte do percurso do Granfondo que decorrerá nesta zona insular. 

 

Utilizamos cookies próprias e de terceiros para facilitar e melhorar a navegação, mostrar conteúdo relacionado às suas preferências e coletar informações estatísticas. Se você continuar navegando, consideramos que você aceita seu uso. Mais informação.